Homem

Terminei o namoro e agora? saiba como lidar com termino do namoro

Terminei o namoro e agora?

Independente de quem decida terminar o namoro sempre haverá uma fase de adaptação para ambos, onde a culpa e uma dose de mágoa deixará seus nervos à flor da pele

Por mais desgastada que esteja a relação o rompimento sempre trará uma mudança brusca, sempre haverá por parte de um dos dois a expectativa de que ainda poderia ter dado certo.

É natural que nesse momento haja sofrimento seja por culpa, pelo fracasso do relacionamento, pelas atitudes que não foram tomadas no tempo certo, enfim é preciso um bom tempo para que se possa “digerir” toda a carga emocional trazida pela decisão de terminar o namoro.

Uma das primeiras dúvidas que surgem depois que se rompe um relacionamento amoroso é se realmente era necessário rompê-lo, independente de você ter tomado essa atitude ou não.

Terminei o namoro, e agora?

Saiba que algumas vezes, o melhor que se tem a fazer em relação a um namoro é sair dele. Outras vezes, o amor e o desejo de permanecer juntos possibilitam a reconstrução do respeito no relacionamento.

Regras

Não existem regras ou manual que pudessem ser seguidos, a não ser a própria percepção sobre o que era bom para vocês naquele momento, e de qualquer modo acertada ou não a decisão de terminar o namoro já foi tomada, não restando possibilidade de anulá-la.


Tendo em vista essa realidade o melhor a fazer é encarar a realidade, chorar se assim se sentir melhor, ficar sozinho (a), talvez viajar se assim preferir, enfim fazer aquilo que você acha que vai te fazer sentir melhor no momento apos o terminei o namoro .

Caso queira ligar para ele (a) não tenha medo ligue, pois se existe algo importante que ainda deva ser falado fale de forma clara, direta e sem cobranças ou chantagens emocionais.

É importante que as pessoas envolvidas num relacionamento de namoro possam manter o respeito e a confiança, ainda que concluam que não vale a pena continuar investindo na relação amorosa.

Depois de passado o susto é hora de começar a refletir, pergunte a si mesmo (a) o que aprendeu com esse namoro que fará com que seja uma pessoa melhor. Evite entrar em julgamentos sobre si mesmo (a) e sobre o seu ex-namorado (a).

Cada vez que você coloca rótulos em alguém, julgando-o isso ou aquilo, na verdade, está julgando a si próprio (a), pois nossos julgamentos se voltam para nós.

Não procure um culpado relacionamentos começam e acabam, alguns casais tem coragem de admitir e rompem outros preferem continuar o namoro mesmo que para isso tenham que renunciar aos próprios sentimentos.

Não culpe vocês nem tampouco a família ou os amigos, com o decorrer do tempo perceberá que de fato não havia culpados ou vítimas, mas sim circunstâncias de acontecimentos comuns aos relacionamentos amorosos.


Evite se desvalorizar e fuja do baixo astral, é comum ao terminar um namoro que as pessoas se sintam deprimidas e se retraiam.

Procure levar uma vida normal e saudável, pense naquele programa que há muito gostaria de fazer, talvez comece aquele curso que estava adiando.


Descubra em cada experiência a oportunidade que ela traz. Foque o que existe de positivo em todas as situações e certamente descobrirá que muitas coisas positivas aconteceram no tempo que estiveram juntos, eduque sua mente e suas emoções, outro namoro virá, conhecerá novas pessoas, terá novas e muitas experiências em sua vida Terminei o namoro.

Comentários